Novo papa é o argentino Jorge Mario Bergoglio: papa Francisco


O papa Francisco aparece no balcão central da Basílica de São Pedro pela primeira vez como Sumo Pontífice Foto: AP
O papa Francisco aparece no balcão central da Basílica de São Pedro pela primeira vez como Sumo Pontífice
O cardeal protodiácono francês Jean-Louis Tauran anunciou na noite desta quarta-feira que o cardeal argentino Jorge Mario Bergoglio, 76 anos, é o novo papa da Igreja Católica. Tauran apareceu às 20h14 (16h14) no balcão central da Basílica de São Pedro, no Vaticano, e proferiu a tradicional frase Habemus Papam, anunciando na sequência o novo líder da Igreja Católica. Ele escolheu o nome de Francisco, alcunha que jamais fora usada.
Vestido inteiramente de branco, ele apareceu no balcão da basílica às 20h22 (16h22), cerca de 1h20 depois da fumaça branca que anunciou. Em seguida, falando em italiano, ele se dirigiu os fiéis reunidos na Praça São Pedro. "Irmãs e irmãos, boa noite", foram as primeiras palavras de Bergoglio como papa. 
Ele pediu uma oração em nome do Papa Emérito Bento XVI e conduziu o "Pai Nosso", reproduzido em coro pela multidão de fiéis. 
Bergoglio nasceu em 1936 em Buenos Aires. Ele foi nomeado cardeal em 2001 por João Paulo II e atualmente era o arcebispo da capital argentina.  Ele é o primeiro papa sul-americano. O nome Francisco é uma homenagem a São Francisco de Assis. 
Jorge Bergoglio, 76 anos, tem origem jesuíta e ficou conhecido por haver sido responsável na América Latina pela redação do documento sobre o segredo de Aparecida. Figura controvertida no cenário argentino, ele se destaca por sua forte personalidade e pelo afrontamento declarado à atual força política do país, o Kirchnerismo.
Share on Google Plus

Sobre o Setor de Comunicação