Angelus: Papa reza por cristãos perseguidos

 arquivo
No Angelus deste domingo, 17, Papa Francisco falou do tempo de espera pela vinda do Senhor. Ele destacou que este é um período para ser vivido com testemunho e esperança, advertindo para o perigo de se deixar enganar por falsos messias.

Francisco lembrou as provações dolorosas e perseguições pelas quais devem passar os discípulos de Jesus. Ele citou o caso de tantos cristãos perseguidos por causa de sua fé. Mas mesmo diante das adversidades, Deus permanece com o homem e seu projeto de bondade prevalecerá. 

“As provas e as dificuldades fazem parte de um desígnio maior; o Senhor, Senhor da história, conduz tudo ao seu cumprimento. Apesar das desordens e calamidades que perturbam o mundo, o projeto de bondade e de misericórdia de Deus se cumprirá”.

Após a oração mariana, fiéis presentes na Praça São Pedro receberam uma caixa contendo um Rosário. A lembrança definida como “Misericordina” foi confeccionada em forma de caixa de remédio e o Papa explicou que se trata de um “remédio espiritual”. “Não se esqueçam de tomá-lo, porque faz bem, hein! Faz bem ao coração, à alma e a toda a vida!”, disse o Santo Padre.
Share on Google Plus

Sobre o Setor de Comunicação