Bispo de origem hispânica nos Estados Unidos cada vez mais próximo dos altares - Bem Vindo !

Bispo de origem hispânica nos Estados Unidos cada vez mais próximo dos altares

No dia 8 de julho, o Papa Francisco aprovou o decreto que reconhece as virtudes heroicas de Dom Alfonso Gallegos, Bispo Auxiliar de Sacramento nos Estados Unidos, cuja vida de oração, defesa dos não nascidos e dedicação aos mais necessitados, especialmente os imigrantes, levou à abertura de sua causa de beatificação no ano 2005.
Alfonso Gallegos Apocada nasceu em Albuquerque, estado do Novo México (Estados Unidos), em 20 de fevereiro de 1931, no seio de uma família muito piedosa, na qual se rezava o rosário com frequentemente.
Seus pais foram Joseph e Caciana. Foi o oitavo de 11 irmãos. Alfonso nasceu com duas marcantes características físicas: uma grave miopia, que o manteve sempre perto da cegueira, e um grande sorriso.
Os Agostinianos Recoletos da paróquia de São Miguel, no bairro do Watts em Los Angeles (Califórnia), ajudaram o pequeno coroinha a manter viva a vocação, embora o problema de visão sempre tenha gerado dúvidas sobre sua capacidade para o ministério sacerdotal.
Por fim, este não foi um inconveniente e, em 3 de setembro de 1951, professou como agostiniano recoleto em Kansas City.Em 1954, passou para o seminário principal da ordem, o mosteiro de Tagaste, em Suffern, estado de Nova Iorque. O problema da vista piorou e isso lhe impedia de rezar o breviário. Por isso, substituía essa oração pela do rosário.
Em 24 de maio de 1958, foi ordenado sacerdote. Depois de vários anos nessa localidade nova-iorquina, Pe. Alfonso foi designado mestre de noviços e foi enviado para Kansas City. Em 1972, voltou para sua paróquia no bairro Watts em Los Angeles.
A maior preocupação do sacerdote era a educação dos jovens e a criação de alternativas às perigosas bandas em que se agrupavam.
Sua dedicação fez com que fosse nomeado primeiro diretor do Escritório de Assuntos Hispânicos dos bispos da Califórnia em 1979.
Organizou o novo escritório e um especial ministério com os imigrantes, o que o tornou um importante elo entre os bispos das dioceses fronteiriças do México e dos Estados Unidos.
São João Paulo II o designou Bispo Auxiliar de Sacramento no estado da Califórnia e recebeu a ordenação episcopal em 4 de novembro de 1981.
Destacou-se por sua vida de oração, o amor à Virgem de Guadalupe e seu carinho pela Eucaristia, expresso nas várias horas que passava diante do Santíssimo Sacramento todos os dias.
Em 6 de outubro de 1991, Dom Alfonso Gallegos e seu motorista voltavam para casa, vindos de Gridley – onde tinha participado de um rosário pela vida no qual pediram a Deus pelo fim do aborto –, e tiveram problemas com o automóvel. Detiveram-se e outro veículo que vinha na mesma direção atropelou o Bispo, causando-lhe a morte.
O processo diocesano de beatificação foi aberto na catedral de Sacramento em 4 de dezembro de 2005 e foi fechado em 2 de novembro de 2006.
A Congregação para as Causas dos Santos deu o decreto de validez do processo diocesano em 4 de julho de 2008. A positio sobre sua vida, virtudes heroicas e fama de santidade foi apresentada em 23 de junho de 2014.
Com o anúncio da aprovação das virtudes heroicas em 8 de julho, agora é necessário um milagre realizado por sua intercessão para a beatificação.
Olympia Nuñez, secretária durante vários anos do Bispo Gallegos, disse ao Grupo ACI que o Prelado “não só pertence a Sacramento ou Califórnia, mas agora pertence a todo Estados Unidos e ao mundo, como exemplo de um ser humano bom, humilde e generoso”.